sexta-feira, 19 de março de 2010

repaginate

Mantenha viva a criança que há em você.
Muitas vezes, em diversas situações, queremos apenas agir por impulso, falar o que realmente pensamos, agir fora dos padrões e ser diferente dos outros. Mas no decorrer da vida, vamos percebendo que a sociedade tem armas fortes pra cortar nossas asas, e nos acostumamos a uma vida monótona e limitada.
Mas quando se criança tudo é diferente. Nada te amarra, tudo é belo, e as verdades que você diz costumam apenas provocar risos nas pessoas, não há nenhum choque.
É preciso que paremos um instante para lembrar como era doce essa época, e assim pensar em certos momentos, podemos agir como crianças, não com infantilidade, mas tendo consciência de que temos asas pra voar.

16 comentários:

Naty Araújo disse...

Muuuuuito show!
Concordo 100% com vc.
Há coisas que podemos agir como crianças e até devemos... mas a infantilidade não existe mais.
Já passou essa fase. Crianças sempre, infantis, jamais.

Abraços.

Leonardo Ribeiro disse...

Eu acho que tem realmente que dizer o que pensa doa a quem doer
entra no meu blog:
http://rasgueverbo.blogspot.com/

seuvicio disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Wander Veroni disse...

Olá! Gostei da mensagem do texto. Creio que falta justamente isso que vc falou: tratar a vida com mais leveza.

Abraço

Flor do dia e Pekeno Gafanhoto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tétis Burlamaqui disse...

Gostei do seu blog. Você escreve suave.. :)

Black Queen disse...

Lindo texto,devemos sim resgatar a nossa criança interior.

bjs!

by Carla

Tulio Cicero disse...

Uma vez eu escrevi um texto chamado "Tenha o sorriso da criança", para um antigo blog que eu mantinha. Eu falava algo semelhante: a criança tem um quê de otimismo, de alegria e de presença que a faz sonhar e acreditar que o mundo pode ser um lugar melhor.

Por vezes, perdemos a capacidade de lutar por nossos sonhos unicamente por nos distanciarmos da realidade das crianças. Precisamos sonhar mais e, principalmente, acreditar que podemos melhorar as coisas.

http://bardoge.blogspot.com/

Marcus Alencar disse...

Concordo contigo, sabe, ninguém e absolutamente ninguém pode cortas nossas asas porque elas pertecem a natureza dos nossos sonhos que, assim como a ave Fênix, renasce das cinzas. E mais, renascem transformados os sonhos, moldados mas sem perder a essência ou, por que não, a inocência de tempos mais livres como a infância.

Rui disse...

tem razao
o reino do céu é das criancinhas
boa ideia

Leonardo Ribeiro disse...

concordo plenamente

Paulo Paz disse...

a vida é uma eterna causa perdida, se vc leva ela muito a serio ela te mata rapidamente, entao aproveite a porcaria da vida.
um abraco gostei do seu blog

Paulo Dionísio disse...

Fala Renan. Tranquilo? Primeiro obrigado pr seguir o Chapeleta Roxa. Segundo gostei do teu blog, parece sempre clichê quando alguém elogia assim né? Mas é a verdade. Bem, eu pareço criança às vezes até demais hahaha, não sei se isso seria bom ou ruim, mas pelo que vejo é ótimo. Abraços.

Angela Boegershausen disse...

Então...
Acho que podemos sim dizer o que queremos e pensamos, mas sem esquecer das consequências das nossas palavras.
Quando se fala o que quer, corre-se o risco de ouvir o que não queremos.

lari severo disse...

Ah, eu amei os textos! Você mesmo que escreve?
e também concordo 100% com você, a vida de criança é MUITO mais fácil, e podemos dizer muito melhor ... Mantenha viva a criança que há em você +1

Vitor Rangel disse...

Muito bom texto... NADA no mundo é melhor do que ser criança... E pensar q nessa época minha maior vontade era ser adulto... como queria voltar no tempo!

Postar um comentário